ISSN 1982-6621 On-line | ISSN 0102-4698 Impresso (até 2015)

ARTIGO – ESCOLA DE APLICAÇÃO AO AR LIVRE DE SÃO PAULO OPEN-AIR SCHOOL OF SÃO PAULO

Dossiê Educação Saúde e Recreação

ARTIGO - ESCOLA DE APLICAÇÃO AO AR LIVRE DE SÃO PAULO OPEN-AIR SCHOOL OF SÃO PAULO


ANDRÉ DALBEN – Universidade Federal de São Paulo, Campus Baixada Santista, SP, Brasil


Clique aqui para baixar o artigo


RESUMO:

O artigo aborda a história da Escola de Aplicação ao Ar Livre de São Paulo, instituição de ensino infantil instalada no interior do Parque da Água Branca em 1939. As suas aulas eram realizadas com emprego de lousas e carteiras portáteis. Conhecimentos internacionais, nacionais e locais sobre as instituições médico-educativas ao ar livre, que se encontravam em circulação em São Paulo nos anos anteriores, foram apropriados para a sua criação. A escola foi divulgada como uma instituição modelo de ensino, sendo empregada como campo de aplicação e estágios da Escola Superior de Educação Física e da Escola Normal Caetano de Campos. Em 1952 foi transferida para edifício especialmente construído para abrigá-la, o qual assegurava a realização de aulas ao ar livre. As fontes da pesquisa se constituem em matérias de jornais paulistas, decretos, leis, projetos de leis, relatórios oficiais, livros, monografias e periódicos de educação e de educação física.

Palavras-chave: Escolas ao ar livre; Educação ao ar livre; Ensino experimental; Educação do corpo.


ABSTRACT:

The paper discusses the history of the Open-Air School of São
Paulo, a preschool institution created in 1939 inside the Água Branca Park
in the city of São Paulo, Brazil. Its classes were carried out with portables
blackboards and school desks. International, national and local knowledge
about open-air institutions that were in circulation in São Paulo in previous
years was appropriated for its creation. The school was promoted as a
model institution, being used as field of application and internships for
students from the Higher School of Physical Education and the Normal
School Caetano de Campos. In 1952 the school was transferred to a special
building, which ensured the realization of open-air classes. The sources
used in this research are newspaper articles from São Paulo’s press, decrees,
laws, draft legislation, official reports, books, monographs and journals of
education and physical education.

Keywords: Open-air schools. Outdoor education. Experimental teaching. Body education.


Recebido em: 02/07/2019 | Publicado em: 09/12/2019