ISSN 1982-6621 On-line | ISSN 0102-4698 Impresso (até 2015)

SIGNIFICADOS ATRIBUÍDOS POR JOVENS ÀS EXPERIÊNCIAS EDUCATIVAS VIVENCIADAS NO PROGRAMA FICA VIVO!

Artigo

SIGNIFICADOS ATRIBUÍDOS POR JOVENS ÀS EXPERIÊNCIAS EDUCATIVAS VIVENCIADAS NO PROGRAMA FICA VIVO!


MEANINGS ATTRIBUTED BY YOUNG PEOPLE TO THE EDUCATIONAL EXPERIENCES LIVED IN THE FICA VIVO! PROGRAM


ANA LÍDIA CRISTO DIAS – Universidade Vale do Rio Doce, Governador Valadares, MG, Brasil

MARIA CELESTE REIS FERNANDES DE SOUZA – Universidade Vale do Rio Doce, Governador Valadares, MG, Brasil


Clique aqui para baixar o artigo


RESUMO:

Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa que buscou compreender a constituição das experiências de jovens de 18 a 24 anos, que participam das atividades no Programa Fica Vivo!, na cidade de Governador Valadares, Minas Gerais. O estudo assume como perspectiva teórica estudos do campo da Sociologia da Juventude e dos Estudos Territoriais. Os dados foram coletados por meio de questionário e entrevistas, e, para a análise, buscou-se o conceito de mobilização de Bernard Charlot. Os resultados apontam significados atribuídos pelos(as) jovens às experiências vivenciadas nesse Programa, relações com o trabalho e com o mundo da cultura, destacando-se, nesse processo, a presença dos(as) oficineiros(as). Conclui-se que o Programa tem cumprido a função protetiva naquele território, além de propiciar experiências educativas ali desenvolvidas, aprendizagens que se revestem de significados para esses(as) jovens, ampliando o acesso à cultura, ao lazer e à cidade.

Palavras-chave: Fica Vivo!; Juventude; Território


ABSTRACT:

This article presents results of a research that sought to understand the constitution of the youth experiences in the Fica Vivo! Program, of young people from 18 to 24 years old who participate in the activities of the Program, in the city of Governador Valadares, Minas Gerais. The study assumes, as theoretical perspective, studies in the field of youth sociology and territorial studies. The data were collected through questionnaires and interviews, and for the analysis, we sought the concept of mobilization by Bernard Charlot. The results point out meanings attributed by the young people to the experiences lived in this Program, relations with work and with the world of culture, highlighting, in this process, the presence of the program workers. It is concluded that the Program has fulfilled the protective function in that territory, in addition to providing educational experiences developed there, learning that are meaningful for these young people, increasing access to culture, leisure and the city.

Keywords: Fica Vivo!; Youth; Territory


Recebido em: 07/19/2018 | Publicado em: 10/17/2019